quarta-feira, 25 de fevereiro de 2009

Ecos do Carnaval - parte 1

Do blog do Bob, nosso querido amigo:

SONHO MEU

Estava lembrando aqui com os meus botões, como eram os domingos de carnaval no Automóvel Clube, ha bem pouco tempo atrás. O ritmo da Sambaderna, as rodas de samba em torno das piscinas, as fantasias de luxo, o charme das mulheres e senhores de bons costumes, descendo as sofisticadas escadarias, como se cada degrau fosse um micro palco para fotografias de suas poses de foliões.

Decorações caríssimas, orquestras e disputa de mesas no tapa, mulheres que se esmeravam em suas fantasias, a corte sendo anunciada ao som das trombetas, na entrada do salão social.

As brigas que ficaram na história por um espaço e pelo dominio de uma casta que hoje não existe mais. Quantas suspensões de filhos de famílias tradicionais. Até nisso o Automóvel Clube se exibia. Era sofisticado participar de um atrito carnavalesco no Clube da Avenida.

E aí pensei em deixar aqui uma pergunta: foi o carnaval que mudou ou fomos nós que mudamos?

E ai pensamos em deixar aqui uma pergunta: Qual a diferença entre high's society que brigam para aparecer no carnaval, vereadores que brigam para conseguir um cargo de maior visibilidade, aryanônimos que vem brigar nos comentários do RPTD e aquelas turminhas de baderneiros que vão às festas populares só para arrumar briga?

Ps: As foto-montagens voltam assim que o nosso Corel voltar também...

1 opiniões capivarísticas:

lucas disse...

Esses posts são muito chatos!
Os mais legais já sumiram da primiera página!

by TemplatesForYouTFY
SoSuechtig, Burajiru